Administração de Medicamentos: entenda tudo que é preciso para você mandar bem no concurso de técnico de enfermagem da Prefeitura Municipal de Nova Iguaçu

Por Maxi Educa 20 jul 2016 - 4 min de leitura
4 min

A responsabilidade da administração de medicamentos é da enfermagem e um erro pode causar danos fatais ao paciente, por isso é importante conhecer seus principais conceitos e a regra dos 9 certos que é indispensável para a realização segura do procedimento.

No sistema de medicamentos atuam vários profissionais da equipe de saúde como farmacêuticos, técnicos em farmácia, médicos, enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem.

O correto é que jamais houvesse erro, uma vez que qualquer falha pode custar até a vida do paciente. Contudo, na prática, os erros mais frequentes estão relacionados com a administração errada de medicamentos, com equívocos nas dosagens, via e horário de administração, bem como com a administração em pacientes errados.

A equipe de enfermagem é a que realiza a maior parte deste evento, portanto, estão mais passíveis a erros do que os demais profissionais.

As responsabilidades legais relacionadas ao preparo e administração de medicamentos são orientadas pelo código de Ética dos Profissionais que entrou em vigor com a Resolução do COFEN 160, de 12 de maio de 1993.

 

Vamos conhecer alguns conceitos importante…

O que é medicamento??

É toda substância que, introduzida no organismo vai atender a uma finalidade terapêutica, preventiva ou para auxiliar o diagnóstico.

Exemplos:

PREVENTIVA. Ex.: vacinas;

PALIATIVA. Ex.: analgésico;

CURATIVA. Ex.: antibiótico;

SUBSTITUTIVA. Ex. insulina.

Para minimizar os erros utilizamos o a Regra dos 9 certos!!

 1-Paciente certo

2-Medicamento/Droga certa:

3-Via certa

4-Dose certa

5-Hora certa

6-Registro correto

7-Ação correta

8-Forma certa

9-Resposta Certa

 

As três leituras certas da Medicação

 – Confira sempre o rótulo da medicação!

– Nunca confie!

– Leia você mesmo!

 1ª Vez: Antes de retirar o frasco ou ampola do armário ou carrinho de medicamentos.

2ª Vez: Antes de retirar ou aspirar ao medicamento do frasco ou ampola.

3ª Vez: Antes de recolocar no armário ou desprezar o frasco ou ampola no recipiente.

 

Principais vias de administração de medicamentos

 Vias oral, gástrica e retal

Via Retal

Via vaginal

Via tópica ou cutânea

Via de Inalação

Via ocular

Auricular

Instilações na garganta

Via parenteral

A equipe de enfermagem atua na administração e preparação de medicamentos, por isso é de suma importância o conhecimento técnico sobre os fármacos, sua ação, atuação, reações que podem ocasionar, ou seja sobre Farmacologia.

A Farmacologia é a ciência dedicada ao estudo e análise de diferentes substâncias no corpo humano ou animal. Essas substâncias, conhecidas como drogas, são administradas artificialmente embora possam existir no corpo.

A Farmacologia pode ser dividida em:

Farmacologia geral: estuda a ação dos medicamentos.

Farmacologia aplicada: estuda a ação dos medicamentos reunidos em grupos de ação farmacológica similar.

Farmacodinâmica: estuda o local de ação, mecanismo de ação, efeitos da droga, sendo terapêuticos ou tóxicos.

Farmacocinética:  estuda as vias de ação, locais de absorção, caminho percorrido pela medicação no corpo.

Farmacotécnica: cuida da preparação das formas: comprimidos, soluções, suspensões e purificação.

Farmacognosia: estuda a origem, a estrutura e a composição química no estado natural, conforme sua origem: anima, extratos.

Farmacoterapêutica: trata da orientação quanto à prevenção, tratamento e diagnóstico.

Farmacologia clínica: estuda a eficácia da medicação, comparando animais doentes e saudáveis

Toxicologia: estuda os efeitos tóxicos.

Quais as diferenças entre solução, soluto e solvente?

 Solução e uma mistura homogênea composta de duas partes: o soluto e o solvente.

Soluto é a substância a ser dissolvida no solvente.

Solvente é o líquido no qual o soluto será dissolvido.

Preparação da medicação

Muitas vezes a prescrição médica especifica o número de gotas e/ou microgotas, porém não deixa explicito o tempo em que a solução será infundida; nesse caso é preciso calcular.

Antes de fazermos as contas, conheça esses detalhes:

1ml = 20 gotas = 60 microgotas

1ml/h =1 microgota/min

1mg = 1000mcg

Fórmulas para o cálculo de Medicação

Gotas/ hora Nº de gotas= Volume

                                                 ————-

                                                 Tempox3

Prescrição médica: SG a 5% em 1000 ml, EV 8/8 h

EX: 1000            1000

——— = —————    = 41,66     Aproximadas 42 gotas

8×3                24

 

Número de gotas por minuto  =  Volume x20       

                                                              ——————   (O número 20 faz parte da fórmula).

                                                                Minutos

 

 

Prescrição Médica – Correr 100 ml de Soro Glicosado a 5% por via EV em 30 minutos.

 

100×20               2000

———–     =    ——-    = 66,6     Devem correr 67 gotas por minuto.

30                     30

 

Nº microgotas = Volume

                                —————

                                  Tempo

 

Microgotas é o gotejamento mais utilizado em pediatria, neonatologia e em UTI.

Ex: Prescrição Médica – SG a 5% em 250 ml por EV em 24 hrs, quantas microgotas por minuto deverão correr?

 

250

——-  =10,4    Devem correr 10 microgotas por minuto.

24

 

Especificidades em pediatria

 A Indústria farmacêutica não fabrica medicamentos específicos para crianças e neonatos, por isso há a necessidade dele ser rediluído. Em alguns casos nem usando a seringa de 1 ou 3 ml é possível aspirar a dose prescrita.

Ex.: Prescrição – 2mg de Garamicina EV de 12/12 hrs.

Disponível: Ampolas de 40 mg/ml.

Deve-se, então, adicionar 9 ml de agua destilada.

40 mg – 10ml

2mg – X

40x = 20mg

X = 20/ 40

X = 0,5 ml

Seguir o protocolo de cada instituição é de extrema importância, pois determina quais as normas e rotinas na administração de medicamentos e as outras atividades.

É fundamental que a equipe esteja sempre atenta às possíveis mudanças de rotina, pois assim podemos melhorar sempre a qualidade da assistência de enfermagem prestada ao paciente.

Compartilhe suas dúvidas e nos dê sugestões!

Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Comentários
  • Ana Paula 05 nov 2017

    olá ! como faço para aprender a calcular ...

  • mm
    Maxi Educa 06 nov 2017

    Bom dia Ana Paula. Obrigada por sua participação em nosso post. Fizemos o cálculo e trouxemos mais explicações para você. Por ser um pouco extenso enviaremos o cálculo em seu e-mail. Acompanhe-nos nas redes sociais. Facebook: https://goo.gl/fgnB61 Instagram: https://goo.gl/xe1LmU YouTube: https://goo.gl/REyOiW

  • Tatilene 01 mar 2018

    Amei muito obrigada por compartilhar esse conhecimento com nosco,teria como falar do leite e alimentação sobre a administração de medicamento, tipo quando dar alimentação antes e depois do medicamentos, dar medicação com o fármaco, pode ou não alterar o poder ativo...muito obrigado pois tenho um seminário a apresentar, sou académica de enfermeiro

  • mm
    Maxi Educa 02 mar 2018

    Bom dia Tatilene. Agradecemos sua participação em nosso blog. Encaminharei para o tutor responsável para verificar se ele consegue fazer esse post. Em caso positivo, enviaremos em seu e-mail. Acompanhe-nos nas redes sociais. Facebook: https://goo.gl/fgnB61 Instagram: https://goo.gl/xe1LmU YouTube: https://goo.gl/REyOiW

  • mm
    Maxi Educa 20 mar 2018

    Bom dia Tatilene Atendendo a seu pedido elaboramos um blog, sobre administração de medicamentos. Acesse e comente sobre o que achou. Esse é o link: http://blog.maxieduca.com.br/medicamentos-posologia-alimentos/ Obrigada e fique firme nos estudos

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais