Tire suas dúvidas e aprenda tudo sobre Assepsia e Antissepsia

Por Ana Paula Fernandes 15 jan 2019 - 3 min de leitura
3 min

Os processos de assepsia e antissepsia estão presentes em locais como hospitais e laboratórios devido a necessidade de evitar a presença de microrganismos.

http://elseviernoticias.com.br/wp-content/uploads/2017/12/micro-1050×596.jpg

 

Quem já não ficou com dúvida ao se deparar com uma questão envolvendo os princípios de assepsia e antissepsia, aqui abordarei os principais conceitos de forma bem simples e clara e suas respectivas técnicas.

Os processos de assepsia e antissepsia estão presentes em locais como hospitais e laboratórios devido a necessidade de evitar a presença de microrganismos.

Os microrganismos vivem na superfície e no interior de nosso corpo quando causam doenças são conhecidos como patógenos. Existe duas principais categorias de microrganismos são os microrganismos acelulares (partículas infecciosas) e microrganismos celulares que incluem os vírus e os príons, todas as bactérias, todas as arqueanas, algumas algas, todos os protozoários e alguns fungos.

Sepsia é a presença de patógenos no sangue ou nos tecidos.

Assepsia é a ausência de patógenos. As técnicas assépticas são utilizadas para eliminar e excluir patógenos como limpeza geral, lavagem frequente e completa das mãos, isolamento de pacientes infectados, desinfecção e esterilização. As técnicas usadas para se alcançar a assepsia dependem do local, das circunstâncias e do ambiente.

Existem dois tipos ou categorias principais de assepsia: assepsia médica e assepsia cirúrgica.

A assepsia médica refere-se a uma técnica de limpeza e tem como objetivo excluir os patógenos, envolve procedimentos e práticas que reduzem o número e a transmissão de patógenos. A assepsia médica inclui todas as medidas de precaução necessárias para impedir a transferência direta de patógenos de uma pessoa para outra e a transferência indireta de patógenos através do ar ou por instrumentos, roupa de cama, equipamentos e outros objetos inanimados (fômites).

 

As Técnicas de Assepsia Médica

 

https://queconceito.com.br/wp-content/uploads/2014/09/Assepsia.jpg

 

– Lavagem frequente e completa das mãos;

– Cuidados pessoais;

– Utilização de máscaras, luvas e capotes limpos quando apropriados;

– Limpeza apropriada de suprimentos e equipamentos;

– Desinfecção;

– Descarte apropriado de agulhas, materiais contaminados e resíduos infecciosos; e

– Esterilização.

 

Diferença entre Assepsia Médica e Assepsia Cirúrgica

 

 

A antissepsia é a prevenção da infecção.

A esterilização é o processo de destruição ou eliminação de todos os microrganismos.

A desinfecção envolve a eliminação da maioria ou de todos os patógenos (exceto esporos bacterianos) de objetos inanimados.

 

Meios de Esterilização

 

https://cipamedembalagens.com.br/wp-content/uploads/2018/02/embalagem-para-esteriliza%C3%A7%C3%A3o-cipamed.jpg

 

Físico: Calor seco (Estufa, Flambagem e Fulguração); Calor úmido (Fervura e Autoclave); Radiações (Raios alfa, Raios gama e Raios x).

Químico: Desinfetantes – Para conseguir-se a esterilização, há vários fatores importantes: Das características dos microrganismos, o grau de resistência das formas vegetativas; a resistência das bactérias produtoras de esporos e o número de microrganismos e da característica do agente empregado para a esterilização.

Esterilização pelo calor: A susceptibilidade dos organismos ao calor é muito variável e dependem de alguns fatores, e dentre eles citamos:

– Variação individual de resistência,

– Capacidade de formação de esporos,

– Quantidade de água do meio,

– ph do meio,

– Composição do meio.

 

Agora leitor agora que já conhece a diferença entre assepsia e antissepsia de uma forma bem objetiva, pois ambos os termos acabam sendo confundidos mesmo estando relacionados cada um possui seu significado. Bons estudos e até o próximo post!

 

Referências

https://www.diferenca.com/assepsia-e-antissepsia/
http://bvsms.saude.gov.br/bvs/artigos/artigo_CME_flavia_leite.pdf
ENGELKIRK, Paul G.; DUBEN-ENGELKIRK, Janet; BURTON, Gwendolyn R. W. Burton Microbiologia para as Ciências da Saúde. 9ª Ed. Guanabara Kooga.
Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais