fbpx

Saiba como a autoestima pode fazer você aumentar sua pontuação nos concursos públicos e mande o baixo astral embora

Por Paula Bidoia 20 jun 2017 - 5 min de leitura
5 min

A autoestima é um atitude de aceitação, confiança e amor para consigo mesmo, sendo que para tanto devemos nos conhecer bem, encarando nossos erros e virtudes.

Para tanto, precisamos nos avaliar, de modo íntimo e pessoal, ainda que as outras pessoas deem outras notas para nós. É a partir da nossa avaliação, que podemos ou não melhorar nosso jeito de ser.

como lidar com a baixa estima e reconstruir a autoestima para os concursos

O fato de algumas pessoas não gostarem de nós não quer dizer que devemos desrespeitar esse tipo de pessoa. Já o autorespeito, permite que nenhuma pessoa nos julgue.

A autoconfiança permite que tenhamos capacidades de enfrentar dificuldades, carências.

Esses pontos são a base da autoestima elevada.

Por que autoestima nos concursos?

fonte: http://niinasecrets.com.br/2017/vamos-falar-sobre-autoestima/

É através da boa autoestima que teremos sucesso no serviço, na profissão. Os relacionamentos saudáveis garantem sucesso no campo profissional, sendo que a energia é usada para inserção no relacionamento e no trabalho. Não se deve buscar a perfeição, mas sim uma evolução para se chegar ao melhor.

O que a falta de autoestima pode causar em nossa saúde?

A falta de autoestima faz com que sejam desenvolvidas depressões, ansiedades, enfermidades físicas e mentais.

 

Sinais de baixa autoestima

 fonte: http://obviousmag.org

 – A pessoa sempre está insatisfeita, tanto com ela e com os outros ao seu redor, faltando plenitude;

– Sentimento de inferiorização, devido a comparação com as outras pessoas, como por exemplo, comparar que eu ainda não consegui passar em um concurso e fulano já passou. Na realidade não devemos nos comparar, pois não somos iguais, temos jeitos, histórias distintas;

– medos, inseguranças, timidez excessiva, inveja, ciúmes, falta de aceitação, necessidade de aprovação alheia.

OBS: o fato de dizer NÃO ao outro, não quer dizer que você é uma pessoa ruim, pois as vezes esse NÃO pode ser a salvação da outra pessoa, de modo que o outro saiba como é a personalidade dessa pessoa. Os que não conseguem se manifestar são pessoas passivas, que conseguem ser influenciadas, adoecendo.

Parece mentira mas não é…olhe essa imagem abaixo

 

fonte: https://queimadosfj.wordpress.com

Pessoas que se vangloriam, são orgulhosas, também tem baixa autoestima, os humildes se sentem iguais na sociedade e ao lidar com pessoas orgulhosas devem fazer que ele entenda que está rebaixando o outro para se sentir elevado, uma espécie de gangorra.

Os rebeldes culpam o outro devido ao seu fracasso, são carentes e vivem testando o amor dos outros ao seu redor.

Como reconhecer a origem da autoestima

fonte: https://www.youtube.com

As vozes desde a nossa infância, sobre o juízo de valor da nossa conduta é que formam a nossa autoestima.

– Pais autoritários e críticos que só apontam erros e não conhecem pontos positivos;

– Comparação com outros;

– Abusos, de forma invasiva, com humilhações;

– Gestação indesejada;

– Traumas;

– Pais distantes e negligentes (pertos financeiramente, mas distantes em amor).

Já os pais superprotetores também acabam não ajudando, já que eles acabam fazendo as coisas para os seus filhos, pensando que eles não conseguem fazer, assim, o filho quando se deparar com um problema na sociedade não conseguirá lidar com a situação e será um fracassado. Os pais devem apontar para os filhos a falha, o caminho que precisa ser seguido.

É fundamental apontar que errar é humano.

Reprogramação da autoestima

 

fonte: https://8tracks.com

 Muitas vezes a baixa autoestima acaba refletindo negativamente nos concursos, para tanto devemos fazer com que a autoestima seja reestruturada.

Siga essas Dicas:

– não se comparar com outras pessoas (famílias, amigos, concurseiros). Devemos nos comparar com nós mesmos, lá atrás, como fomos em tais concursos, o que fizemos para atingir determinada pontuação, reconhecendo nossos erros, para que possamos melhorar.

– ter nossa própria personalidade, sem medo do outro achar o que somos, como pensamos, o que gostamos. Ser como somos de verdade faz com que tenhamos valores próprios;

– não compartilhar as metas pessoais com outras pessoas, como por exemplo, você fez o concurso X e não passou? Isso pode te fazer pressionada a passar e envergonhada se não conseguir. Devemos guardar nossas metas conosco mesmo, distribuindo com um mínimo possível de pessoas, já que estas têm vários pontos negativos;

– querer ser uma pessoa comum, com imperfeições, habilidades e dificuldades, não cobrar perfeccionismo;

– ser generoso e amável consigo mesmo e com o próximo;

– respeito próprio, sabendo até onde podemos ir. Ex: minha mãe quer que eu seja médica, mas eu sei que não gosto, tenho dificuldades, devo respeitar minhas dificuldades e fazer o que eu acho certo;

– ter pensamentos positivos, parece simples, mas nossa mente tem um inconsciente, onde guardamos mágoas, como se fosse uma espécie de biblioteca que deve ser reorganizada. Assim, devemos reorganizar nosso inconsciente.

Devemos treinar nossa mente em reter as coisas boas e esquecer as coisas ruins e não lembrar do que aconteceu de ruim.

– Se você quer trabalhar em determinada área, visualize, determine, quando se mentaliza, começa-se a investir, acreditar que somos capazes;

– fazer afirmações positivas (ao invés de dizer não quero ser reprovado, dizer quero ser aprovado, tire o NÃO da frente das palavras;

– acreditar que tem recursos, se caiu levante-se, amanhã é outro dia, força…

Tenho certeza que essa postagem fará você ver sua vida de outro jeito, com mais confiança e autoestima quando for fazer seu concurso.

Não deixe de conferir o maravilhoso vídeo ao final (Parte 1 e Parte 2), com a Doutora Elaine, brilhante profissional que traz importantes pontos sobre a autoestima, além das 12 dicas de reprogramação de autoestima.

Comece a pôr em prática tudo o que ouviu e compartilhe esse post com seus amigos concurseiros.

 

 

Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais