Aprenda os diferentes tipos de coberturas, telhas e estruturas cobrados em questões de edificações

Coberturas nada mais são que estruturas onde se definem pela forma, assim observando as funções e características do seu estilo arquitetônico.
Por Maxi Educa 03 ago 2018 - 6 min de leitura
6 min

E ai concurseiros, olhou o edital e está preocupado sobre o assunto de Coberturas? Fique tranquilo, trouxemos esse blog sensacional para te ajudar a entender tudo sobre Cobertura, Telhados e Estruturas, para você arrasar em seus estudos!!

Coberturas nada mais são que estruturas onde se definem pela forma, assim observando as funções e características do seu estilo arquitetônico.

Fonte: https://www.wheretraveler.com/play/first-look-panamas-frank-gehry-designed-biomuseo

Coberturas nada mais são que estruturas onde se definem pela forma, assim observando as funções e características do seu estilo arquitetônico. A principal função das coberturas é a proteção das edificações, contra a ação das intempéries, atendendo às funções utilitárias, estéticas e econômicas.

Principais condições de uma cobertura:

Partes utilitárias: impermeabilidade, isolamento térmico e acústico, leveza;

Partes estéticas: forma e aspecto harmônico com a linha arquitetônica, dimensão dos elementos, textura e coloração;

Partes econômicas: custo da solução adotada, durabilidade e fácil conservação dos elementos.

Para elaborar uma cobertura ideal, o profissional deve observar os fatores principais como o clima, como cada região tem um clima, cada edificação precisa de um tipo de cobertura mais detalhada.

Quais são os tipos de Coberturas?

TIPOS DE COBERTURAS

A seguir mostraremos os tipos de coberturas mais utilizadas nas edificações:

Coberturas minerais: De origem mineral, como pedras em lousas (placas), foram muito utilizadas em castelos medievais, hoje são utilizadas em coberturas mais acentuada declividade (50% < d > 100%)

Coberturas vegetais rústicas (sapé): não pode ser utilizada em construções provisórias ou decorativa, o matérias utilizado são folhas de arvore amarradas sobre estrutura de madeira.

Coberturas vegetais beneficiadas: são executadas com pequenas tabuas (telhado de tabuinha) ou também por tábuas corridas superpostas;

Coberturas com membranas: são de membranas plásticas (lonas), colocadas sobre estruturas metálicas ou de madeiras;

Coberturas em malhas metálicas: é um sistema estrutural sofisticado, feito em estruturas metálicas articuladas, com vedação alguns tipos de vedação como elementos plásticos, acrílicos ou vidros.

Coberturas tipo cascas: são estruturas de lajes em arcos, em concreto armado, tratadas com sistemas de impermeabilização;

 Exemplo ilustrativo a seguir:

TELHADOS

 Telhado nada mais é que coberturas caracterizadas pela existência de uma armação como um sistema de apoio de cobertura, e revestida com telhas. É o sistema construtivo mais utilizado na construção civil, especialmente nas edificações.

Tipos de telhados

Uma água ou meia água: É o telhado mais simples e barato de construir, ele é somente uma superfície plana, com declividade, cobrindo uma pequena área edificada.

Duas águas: São duas superfícies, com declividade iguais, ou distintas em altura, sempre unidas por uma linha central, onde fica localizada a cumeeira.

Três águas: São telhados de áreas triangulares, tendo três caídas unidas por linhas de espigões.

Quatro águas: É uma cobertura de quadriláteras, de formas tanto regulares como irregulares.

Múltiplas águas: São coberturas onde as plantas são determinadas por superfícies poligonais quaisquer, tendo várias caídas.

Exemplo ilustrativo a seguir:

Fonte: http://cursos.construir.arq.br/autocad-aula-26-como-fazer-uma-planta-de-cobertura-de-um-telhado-de-varias-aguas/

Cobrimento ou telhamento

Hoje o mercado está oferecendo um leque de opções para cobrimento de uma edificação, a escolha e parte mais especifica de um projeto, onde depende de diversos fatores, entre eles o mais comentado é o custo, ele é quem irá determinar o patamar de exigência em relação à qualidade final do conjunto.

Abaixo mostraremos os outros fatores para um bom cobrimento:

– Ele deve ser impermeável, sendo esta a condição fundamental mais relevante;

– Deve possuir articulação para permitir pequenos movimentos;

– Resistente o suficiente para suportar as solicitações e impactos;

– Ser durável e devem manter-se inalteradas suas características mais importantes;

– Possuir leveza, com peso próprio e dimensões que exijam menos densidade de estruturas de apoio;

– E por fim deve proporcionar um bom isolamento térmico e acústico.

Segue alguns tipos mais utilizados de materiais para cobrimento:

Telhas cerâmicas: São tradicionalmente usadas na construção civil; com elas existe alguns tipos principais como: francesa, colonial, plan, romana, plana ou germânica.

Telhas de vidro: Formatos similares às telhas cerâmicas; são mais utilizadas para propiciar a iluminação.

Telhas de fibrocimento: São fabricadas com cimento e fibras de amianto, sob pressão; são incombustíveis, leves, resistentes e de grande durabilidade; também de fácil instalação, existindo peças de concordância e acabamento, e exigindo estrutura de apoio de pouco volume;

Chapa de aço zincado: Existem perfis ondulados, trapezoidais e especiais; também podem ser obtidas em cores, com pintura eletrostática; permitem executar coberturas com pequenas inclinações; podem ser fornecidas com aderência na face inferior de poliestireno expandido para a redução térmica de calor;

Telhas de concreto: Telhas produzidas com traço especial de concreto leve, proporcionando um telhado com 10,5 telhas por metro quadrado e peso de 50 kg/m2; perfis variados com textura em cores obtidas pela aplicação de camada de verniz especial de base polímero acrílica; alta resistência das peças, superior a 300 kg.

Telhas autoportantes: Executadas com chapas metálicas ou concreto protendido, em perfis especiais (autoportantes) para vencer grandes vãos, variando de 10 a 30 metros, em coberturas planas e arcadas, sem a existência de estrutura de apoio; utilizadas em construções de galpões industriais, agrícolas, esportivos, hangares etc;

Telhas plásticas: Fornecidas em chapas onduladas e trapezoidais, translúcidas e opacas, de PVC ou Poliester e em cores;

Telhas de alumínio: É o material mais leve, e de maior custo; fornecidas em perfil ondulados e trapezoidais; refletem 60% das irradiações solares, mantendo o conforto térmico sob a cobertura. São resistentes e duráveis; cuidado deve ser observado para não apoiar as peças diretamente sobre a estrutura de apoio em metal ferroso, as peças devem ser isoladas no contato;

 Exemplo ilustrativo a seguir:

 

ESTRUTURAS DE APOIO

 Tipo tesouras

As armações tipo tesouras são as mais utilizadas, onde correspondem ao sistema de vigas estruturais treliçadas, ou sejam, estruturas isostáticas executadas com barras situadas num plano e ligadas umas ao outras em suas extremidades por articulações denominadas de nós, em forma de triângulos interligados e constituindo uma cadeia rija, apoiada nas extremidades.

Independente do material a ser utilizado nas estruturas, os entendimentos estruturais são definidas pelas necessidades do projeto arquitetônico e das dimensões da estrutura solicitada.

Abaixo trouxemos alguns esquemas de tesouras,

Fonte: http://wwwo.metalica.com.br/coberturas-os-diversos-tipos-e-suas-caracteristicas

Principais elementos de uma tesoura

Para a orientação com os auxiliares que trabalham nas obras, segue as terminologias das peças de uma estrutura.

Fonte: http://wwwo.metalica.com.br/coberturas-os-diversos-tipos-e-suas-caracteristicas

E ai, o que acharam sobre esse assunto??

Não fiquem com dúvidas….

Deixe seu comentário, sua dúvida ou uma sugestão, aguardamos vocês!!

Referencias

Brasilit – http://www.brasilit.com.br/ Eternit – http://www.eternit.com.br/ Imasa – http://www.imasatelhas.com.br/imasa.htm Infibra – http://www.infibra.com.br/index1.htm Isdralit – http://www.isdralit.com.br/ Lafarge – http://www.lafarge.com/ Perkrom – http://www.perkrom.com.br/ Precon – http://www.precon.com.br/ Rooftech – http://www.rooftech.com.br
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CONSTRUÇÃO INDUSTRIALIZADA.
http://sobrecoberturas.blogspot.com/p/coberturas.html
http://arquitetomauricio.blogspot.com/2015/12/coberturas_28.html
http://www.sohu.com/a/206151688_570529
http://piniweb17.pini.com.br/construcao/tecnologia-materiais/instalacao-de-membranas-da-cobertura-do-maracana-e-concluida-280873-1.aspx
https://www.galeriadaarquitetura.com.br/projeto/nir-sivan-architects-associates_/onda-carioca/224
https://www.archdaily.co/co/02-182625/clasicos-de-arquitectura-iglesia-de-pampulha-oscar-niemeyer/bruno-do-val
http://www.construtora.curitiba.emp.br/telhado-em-chapa-de-aco-zincado-curitiba
https://www.aecweb.com.br/prod/e/telhas-autoportantes-acoport_7698_15933
https://www.aecweb.com.br/guia/p/telhas-de-aluminio_4_138_824_1_0
http://okanaletetelhas.com.br/nossos-produtos-cat/telhas-translucidas-em-fibra-de-vidro-fortlev/
http://umacasacomopoucas.com.br/tipos-telhas-de-ceramica/
http://shoptelhas.com.br/telhas-de-vidro/
http://precon.com.br/portal/telhas-de-fibrocimento/
http://construindodecor.com.br/telhas-de-concreto/

 Tutor: Otávio Felipe Ferreira de Jesus

 

 

 

 

Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais