6 critérios para você escolher seu material de estudo para concurso

material de estudo para concurso
Por Fernando Massarotti 06 ago 2019 - 5 min de leitura
5 min

Conquistar a aprovação é o sonho de todo concurseiro e, para isso, o processo de preparação para a prova é fundamental. Nesse momento, uma das principais escolhas que devem ser feitas é sobre o material de estudo para concurso, já que ele influencia a qualidade do aprendizado.

Utilizar materiais inadequados para estudar pode trazer grandes prejuízos para o candidato. O primeiro, sem dúvidas, é atrapalhar o seu desempenho na prova — o que, muitas vezes, causar a reprovação. Além disso, também há as perdas financeiras em relação ao valor gasto na aquisição dos materiais e outras despesas relacionadas ao concurso.

Se você quer saber como escolher o material certo para potencializar os seus estudos para o concurso, confira este post e aprenda 6 critérios que devem ser avaliados!

1. Atualização do conteúdo

Principalmente para as provas que exigem conhecimentos jurídicos, a atualização do conteúdo é fundamental nessa decisão. Veja em qual data o material de estudo para concurso foi lançado para ter certeza de que ele oferece informações adequadas.

Escolher um livro sobre leis que esteja desatualizado traz grandes prejuízos para a preparação e pode resultar em erros graves nas provas. Quando acontecem alterações legislativas, é comum que as bancas aproveitem a oportunidade para lançar as famosas “pegadinhas”, com perguntas que querem verificar se o candidato acompanhou as mudanças.

Além disso, mesmo em disciplinas que não passam por atualizações constantes, como Português, a forma de cobrar e os assuntos mais recorrentes mudam com o passar do tempo. Então, observe sempre a data de publicação do material e, caso não encontre essa informação, pergunte para o responsável pela elaboração.

2. Metodologia didática

A didática do material influencia diretamente o seu aprendizado e, por isso, é um critério que deve ser avaliado com atenção. Livros e apostilas devem ser claros, com uma leitura agradável e assuntos bem divididos para facilitar a organização dos estudos.

Nas aulas, o professor precisa explicar os temas de forma clara, com uma linguagem acessível e um ritmo de aula adequado, aproveitando o tempo disponível até a data da prova.

Aqui, vale lembrar que cada pessoa tem uma experiência diferente em relação aos materiais. O que é bom para um aluno nem sempre é bom para o outro — então é fundamental que você analise a metodologia considerando qual é mais eficiente para a sua preparação.

3. Confiabilidade

Um ponto de atenção na compra do material de estudo para concurso é a procedência. Pesquise a reputação da editora e procure informações sobre a experiência de outros candidatos com o curso. Além disso, verifique quem são os autores ou professores, qual o domínio deles em relação à matéria e aos concursos públicos.

Para conseguir todos esses dados, avalie o site da empresa, veja se há depoimentos de outros alunos e pesquise nas redes sociais. Se você faz parte de algum grupo de estudos, presencial ou online, pergunte a opinião dos colegas. Essa é uma ótima forma de identificar as opções mais confiáveis.

4. Direcionamento

Ao decidir qual material de estudo para concurso comprar, um erro comum dos candidatos é não considerar o direcionamento. Adquirir itens aleatórios, considerando apenas a disciplina que será estudada, pode dificultar a sua rotina.

Lembre-se de que as provas são feitas com abordagens específicas. Então, o material deve ter um direcionamento diferenciado em relação ao utilizado para livros cujo público-alvo são os profissionais da área.

Também é preciso ver se o material é adequado ao seu nível de conhecimento sobre o assunto. Por exemplo, um livro sobre Direito Constitucional voltado para pessoas formadas em Direito tratará o assunto de modo mais técnico e não é adequado para quem não tem essa formação. Observe sempre qual é o público-alvo do conteúdo para acertar na escolha.

Finalmente, adquira um material desenvolvido especificamente para o concurso público que você quer prestar. Eles são elaborados com base nos editais e no estilo da banca, apresentando as matérias mais recorrentes e os pontos que exigem atenção especial. É comum que eles tragam algumas questões de provas anteriores para que o candidato conheça melhor o formato da prova.

5. Formato do material

Qual tipo de material de estudo para concurso é mais adequado ao seu estilo de aprendizagem? Cada estilo tem vantagens específicas — e é comum que cada pessoa se identifique mais com um ou outro. São eles:

  • visual: o estudante tem mais facilidade para memorizar quando estimula a visão, com textos, ilustrações, diagramas etc.;
  • auditivo: o aprendizado é estimulado quando a audição é utilizada no estudo. Aqui, ouvir explicações de professores e repassar o conteúdo em voz alta são práticas comuns;
  • cinestésico: o concurseiro aprendem melhor praticando. Então, fazer anotações e usar ferramentas diferentes para isso costumam ajudar nos estudos.

Identificar a melhor técnica de estudos ajuda na busca por materiais. Se você é visual, os materiais impressos são uma boa opção. Para os cinestésicos e auditivos, cursos com videoaulas potencializam os estudos.

Porém, considere como será a sua rotina e o tempo disponível até o concurso para checar se terá como consumir todo o conteúdo do material escolhido. Além disso, se for possível, a combinação de diferentes formatos também é uma ótima dica para facilitar os estudos.

6. Custo-benefício

Os materiais de estudo trazem custos, fazendo desse um fator importante para a sua decisão. O primeiro passo é saber quanto você pode investir nessa decisão e procurar opções que estejam dentro do seu orçamento.

Depois, compare as alternativas considerando o direcionamento e o conteúdo disponibilizado. As apostilas, por exemplo, costumam ter um valor menor do que os cursos — nesse caso, pode ser melhor optar por elas e adquirir um material de qualidade superior.

Caso ache que um curso é fundamental, avalie também a possibilidade de personalização: em vez de adquirir um curso fechado, você inclui apenas algumas disciplinas, conforme as suas necessidades, e paga o valor proporcional. O importante é avaliar todas as alternativas com atenção para encontrar a que oferece o melhor custo-benefício.

Observando esses fatores ao escolher o material de estudo para concurso, temos certeza de que você encontrará a melhor opção para potencializar o aprendizado e conseguir os melhores resultados na prova. Contar com cursos e apostilas de qualidade é um dos principais diferenciais para a sua preparação.

Então, curtiu essas dicas? Se você está em busca dos melhores materiais para se preparar para um concurso público, acesse o nosso site e conheça as soluções do Maxi Educa para potencializar os seus estudos!

Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais