Saiba quando usar os pronomes demonstrativos de acordo com as normas e mande bem nos concursos públicos

Por Maxi Educa 15 fev 2018 - 4 min de leitura
4 min

Pronomes são uma das classes gramaticais que mais apresenta classificações com grandes diferenças cada. E todas as classes são de essencial importância para a escrita e interpretação de textos. Um pronome mal aplicado ou mal interpretado pode alterar o sentido de todo um texto. E o pronome demonstrativo, assunto de nosso blog de hoje, muitas vezes é usado de acordo com a vontade de escritor, sem obedecer às regras do mesmo.

Pronomes são uma das classes gramaticais que mais apresenta classificações com grandes diferenças cada.

Primeiramente, vamos conhecer quais são os pronomes demonstrativos mais utilizados. Eles se dividem em variáveis e invariáveis:

Tais pronomes podem vir acompanhados das preposições, caso seja exigido, “de” ou “em”. Por exemplo: de + este = deste. Em + essa = nessa. De + aquilo = daquilo.

Quando usar os pronomes demonstrativos:

Cada pronome demonstrativo apresenta uma regra específica de quando usá-los, não podemos colocá-los onde bem entendermos! O mal uso deles, em uma redação, pode diminuir sua pontuação, pois prejudica a coesão de seu texto. Além de ser assunto comum em questões gramaticais nos concursos.

A função dos pronomes varia de acordo com a relação dos mesmos com o:

– espaço;

– tempo;

– discurso.

Relacionando o pronome demonstrativo ao espaço, a regra varia de acordo com a posição do ser em relação à pessoa que fala.

(I)

fonte: http://free-illustrations.gatag.net/2013/08/13/160000.html

Na imagem a menina está falando e o livro está em suas mãos, por isso usou o pronome demonstrativo “este”.

Agora, observe a imagem abaixo:

(II)

fonte: https://pt.pngtree.com/freepng/two-little-boys_2576158.html

O menino de cabelos escuros conversa com o de cabelo loiro, o qual está com o carrinho. O objeto encontra-se longe da pessoa que está falando e perto daquela que está ouvindo, assim, usou-se o pronome demonstrativo “esse”.

(III)

fonte: https://pt.pngtree.com/freepng/cartoon-finger_2806102.html

Na imagem acima, as meninas apontam para a nuvem, que está distante das duas (falante e ouvinte), usando, então, o pronome demonstrativo “aquela”.

Resumindo:

(I) Este, esta, isto: usado para se referir a algo ou alguém que está perto de quem fala.

(II) Esse, essa, isso: usado para se referir a algo ou alguém que está perto de quem ouve.

(III) Aquele, aquela, aquilo: usado para se referir a algo ou alguém que está longe dos dois (de quem fala e de quem ouve).

Considerando o tempo, os pronomes demonstrativos variam de acordo com o momento que é falado.

Exemplos:

(I) Nesta noite tive um pesadelo horrível. (noite passada)

Quero voltar a estudar ainda este mês.

(II) Esse final de semana foi muito divertido! (último final de semana)

Quero me esquecer dessa semana difícil. (semana passada)

(III) Aquele ano em que viajamos ao litoral foi a melhor viagem que realizei. (passado remoto)

Lembro-me daquela festa até hoje! (passado remoto)

fonte: https://fce.ufm.edu/noticias/el-tiempo-una-oportunidad/

Resumindo:

(I) este, esta, isto: refere-se ao presente.

(II) esse, essa, isso: refere-se a um passado (ou até futuro) próximo.

(III) aquele, aquela, aquilo: refere-se a um passado remoto.

E relacionando o pronome demonstrativo ao discurso é necessário observar o termo que será retomado pelo pronome. Se foi dito anteriormente ou se ainda será mencionado.

Exemplos:

(I) Ontem estudei matemática, essa é a matéria que considero mais difícil. (refere-se à matemática)

(II) Só esperamos isto: saúde! (refere-se à saúde)

Resumindo:

(I) esse, essa, isso: referem-se a um termo que foi dito anteriormente.

(II) este, esta, isto: referem-se a algo que será dito posteriormente.

Em relação ao discurso, também encontramos casos em que precisamos fazer referência a dois ou mais termos.

Vejamos:

Adoro maçã e laranja, porém esta estava verde e essa madura demais.

Responda: Qual fruta estava verde e qual estava madura demais?

Adoro maçã e laranja, porém esta estava verde e essa madura demais.

Assim, conclui-se que a laranja estava verde e a maçã, madura demais.

fonte: http://www.verona.ae/

Ainda é possível referir-se a três termos, veja o exemplo:

Encomendei banana, uva e goiaba. Esta encontrava-se podre; essa, verde; e aquela, deliciosa.

Responda: Qual estava podre, qual estava verde e qual estava deliciosa?

Entenderam????

Espero que sim!!!

Os pronomes demonstrativos são excelentes elementos coesivos, evitam a repetição de palavras e valorizam seu texto quando bem utilizados.

Vamos praticar?

Tente resolver os exercícios a seguir:

01. (Cesgranrio) Assinale a opção que completa adequadamente as lacunas da frase seguinte: Os pesquisadores e o Governo frequentemente assumem posições distintas ante os problemas nacionais: —————– se preocupam com a fundamentação científica, enquanto …………… se guia pelos interesses políticos.

(A) aqueles/este

(B) esses/aquele

(C) estes/esse

(D) estes/aquele

(E) aqueles/aquele

 02. Resolva o exercício completando as frases com os pronomes corretos:
(A) Eu vou ______ semana.
(B) Carlos caminhava até a sua escola, eu caminho até _______ escola dali.
(C) Você já leu _______ livro dali?
(D) _____ noite será muito fria.
(E) O prefeito e o deputado vieram. ________, de carro; _______, de avião.

Respostas:

01. Alternativa (A)

02.

A) Eu vou NESTA semana.
B) Carlos caminhava até a sua escola, eu caminho até AQUELA escola dali.
C) Você já leu AQUELE livro dali?
D) ESTA noite será muito fria.
E) O prefeito e o deputado vieram. ESTE, de carro; AQUELE, de avião.

Valeu pela participação!!

Deixe um like e até a próxima!!

Tutora Carola Lopes Braz

Referências:

CUNHA, Celso. Gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Lexikon; Porto Alegre, RS: L&PM, 2008.

BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. 38. ed. rev. ampl.- Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

Imagem destacada: http://danianepereiraedu.blogspot.com.br/2016/01/olimpiadas-rio-2016-etiquetas-colorida.html
Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais