Tudo que você precisa saber sobre Processo Decisório para o concurso do TCE-RS O processo decisório para o TCE-RS

Por Maxi Educa 23 jul 2018 - 5 min de leitura
5 min

Futuros servidores do TCE-RS vamos dar um up nos estudos de Administração Geral e Teoria das organizações? Escolhemos um assunto que é a menina dos olhos nos concursos públicos e que muitos deixam de lado, subestimando esse tópico. Porém aqui nós vamos esclarecer os pontos que mais caem na prova sobre Processo decisório para turbinar de vez seus estudos.

Por que é importante o processo decisório para o TCE-RS?

Futuros servidores do TCE-RS vamos dar um up nos estudos de Administração Geral e Teoria das organizações? Escolhemos um assunto que é a menina dos olhos nos concursos públicos e que muitos deixam de lado, subestimando esse tópico.

http://more-institut.com/blog/2014/07/podera-melhorar-seu-processo-de-tomada-de-decisao/

 Saiba que todo problema em uma organização exige a tomada de decisão para ser resolvido. Além disso, as decisões nem sempre surgem dos problemas, pois nascem também de oportunidades, objetivos e interesses organizacionais. E um bom administrador (gestor) precisa tomar uma série de decisões rotineiras ou não para que seu negócio continue competitivo. Logo, já deu para entender porque a decisão é tão importante, certo?

As decisões são tomadas por quem? Pessoas. Pessoas essas que são afetadas pelo que? São afetadas pelo meio onde vivem, por suas percepções, experiências e até mesmo suas crenças.

Isso torna o processo em si extremamente complexo, pois não existe a “decisão perfeita”, o que há é a busca pela melhor alternativa, aquela que norteará a organização rumo ao sucesso.

O que pensava Simon, tão falado no processo decisório?

Na visão de Simon o ser humano tem a sua racionalidade limitada. Isso mesmo. Para ele, o comportamento na vida real não alcança a racionalidade objetiva, pois isso demandaria um conhecimento completo e antecipado das consequências futuras de cada opção. O conhecimento dessas consequências é sempre fragmentado e apenas uma fração das possíveis alternativas é considerada. Além disso, a racionalidade total também exigiria absoluta clareza do problema e tempo ilimitado para resolvê-lo.

Vejamos um exemplo que pode ser exigido no concurso do TCE-RS: é necessário comprar um carro novo para a empresa. Em uma racionalidade objetiva seria possível conhecer todos os carros a venda na cidade e região de maneira detalhada, tendo acesso ao seu histórico mecânico completo, sabendo inclusive todos os futuros problemas e custos que cada carro trará, além do conhecimento total de todos os preços e de até quanto seria possível negociar em cada carro, isto é, qual o maior desconto a ser alcançado para chegar ao melhor custo benefício oferecido.

Isso é possível? Quem dera que sim, mas a verdade é que não… e por que? por causa da racionalidade limitada, oras!! Na vida real é possível apenas conhecer uma parcela dos carros, não sabendo nem mesmo quais são os vendedores mais dispostos a barganhar.

Assim, segundo o autor, a racionalidade humana é limitada e por isso ele propôs o modelo do homem administrativo. Nesse modelo, as decisões precisam ser satisfatórias. As decisões satisfatórias são aquelas que tendem aos requisitos mínimos desejados, fazendo com que os administradores sejam guiados pela regra de que qualquer decisão serve desde que possa resolver um problema.

Quais são os tipos de tomada de decisão?

Temos dois tipos principais de decisões:

Decisões Programadas: São decisões tomadas rotineiramente, usando procedimentos e regras estruturadas da própria empresa. Geralmente, são bastante previsíveis e repetitivas. Por exemplo, acaba a tinta da impressora, é necessário recarregar o cartucho e para isso, contata-se o fornecedor padrão.

Decisões não programadas: São as decisões tomadas em relação a problemas não estruturados e envolvem acontecimentos únicos e dinâmicos. Assim, não existem soluções automáticas. O decisor deve desenvolver sua capacidade de julgamento, intuição e criatividade. Por exemplo: O lançamento de novos produtos, a redução do quadro de funcionários e uma mudança na sede da empresa.

https://bit.ly/2uzYISr

Quais as etapas do processo decisório?

fonte: http://www.cedeppe.com.br/pagina_366.html

Observamos sete etapas do processo decisório e é claro que isso é fundamental para o TCE:

1 – Percepção da situação que envolve algum problema;

2 – Análise e definição do problema;

3 – Procura de alternativas de solução ou de cursos de ação;

4 – Avaliação e comparação das soluções alternativas (e suas consequências);

5 – Escolha da alternativa mais adequada ao alcance dos objetivos;

6 – Comunicação da decisão escolhida;

7 – Implantação das alternativas escolhidas.

Que tal uma ferramenta para facilitar isso? Vejamos a ferramenta Canvas para o processo de tomada de decisão.

Uma técnica moderna utilizada em diversas empresas é o modelo de negócios chamado CANVAS. Foi criado por Alexander Osterwalder, porém posteriormente ele foi aperfeiçoado por outros profissionais.

Esse modelo facilita a visualização da gestão, assim os envolvidos no processo decisório conseguem enxergar as principais estratégias traçadas pela empresa, em suas principais frentes ou áreas departamentais.

O CANVAS é um diagrama ou mapa dividido por 9 (nove) eixos composto por:

1. Atividades principais; 2. Recursos principais; 3. Rede de parceiros; 4. Proposição de valor; 5. Segmento de clientes; 6. Canais; 7. Relacionamento com os clientes; 8. Estrutura de custos; 9. Fluxos de receitas.


fonte: https://aempreendedora.com.br/canvas-saiba-como-fazer-e-qual-e-o-significado/

Com os eixos acima apresentados, os gestores de uma organização conseguem ter maior visibilidade do andamento do negócio podendo assim tomar decisões mais rápidas e com mais segurança.

Para finalizarmos, vou deixar uma frase para vocês refletirem:

“Quando você precisa tomar uma decisão e não toma, está tomando a decisão de não fazer nada” – Willian James.

Complementamos com mais essa: “Um desejo não muda nada, uma decisão muda tudo”. Lembre-se é nos momentos de decisão que o seu destino é traçado.

Então, decida curtir, compartilhar e comentar esse nosso post sobre o TCE-RS, tome essa decisão!!! Bons estudos.

Tutora Clariana Ribeiro

Qual sua dúvida ou comentário sobre esse conteúdo?

Os campos com (*) são obrigatórios e seu email não será publicado

Quer receber notícias sobre Concursos Abertos? Cadastre-se em nossa newsletter


Sobre nós

Somos o Instituto Maximize de Educação, uma empresa especializada na preparação de Apostilas em PDF e Cursos Online para Concursos Públicos e Vestibulares.

Saiba mais